Governo anuncia novo aumento de preços de combustíveis

Imagem
A Petrobras anunciou que vai aumentar em 3% os preços da gasolina nas suas refinarias e bases, o que representa um aumento médio de R$ 0,0512 por litro. O preço do diesel permanecerá igual. Segundo a estatal, a definição do custo dos combustíveis seguirá a flutuação do mercado internacional. O reajuste mais recente feito pela Petrobras havia sido no dia 6 de fevereiro, quando a companhia reduziu os preços dos litros de gasolina em R$ 0,0756 e de diesel em R$ 0,0917
O repasse para o consumidor final nos postos dependerá de fatores como impostos, margens de distribuição e revenda e mistura de biocombustíveis.
De acordo com a ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis), o preço da gasolina nas bombas caiu apenas 1% desde o pico de R$ 4,59 por litro atingido na semana do dia 25 de janeiro. Na semana passada, o litro do combustível era vendido no país, em média, a R$ 4,85.
(com informações da Folha)

Padre acusa ameaça de morte por policiais

O padre Julio Lancelotti, conhecido por seu trabalho com a população de rua, tem sido constantemente ameaçado. Dessa vez, jovens acolhidos por ele foram agredidos por policiais, que enviaram um “recado” em tom de ameaça.

“A Mooca é um dos lugares da cidade em que a população de rua aumentou muito. 20% de toda a população de rua de toda a cidade de São Paulo está lá. Isso incomoda muito porque temos todos os dias um momento de convivência e de acolhimento aos moradores de rua. Perto há um centro comunitário que vai fazer 25 anos e que surgiu da nossa ação junto à população de rua”, contou o padre à Fórum. “Esses jovens foram agredidos à noite, como sempre acontece. Eles batem nas pessoas, fazem acusações, levaram para a delegacia. É uma verdadeira tortura contínua. Enquanto eles batiam, mandaram olhar para baixo e disseram: ‘vocês são protegidos daquele padre que defende bandido. Avisem a ele que a hora dele vai chegar’.”

São Paulo tem sido palco de diversos atos de violência e truculência por parte de alguns membros da Polícia Militar. O governador Doria não comenta o assunto.

(com informações de Forum)


Comentários

MAIS LIDAS

Deputados negociam para votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!