OMS emite alerta ao mundo

Imagem
“Temos que fazer todo o possível para nos prepararmos para uma potencial pandemia.” O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, assumiu nesta segunda-feira que muito provavelmente o que hoje é uma epidemia, o Covid-19 ou coronavírus de Wuhan, transforme-se em algo maior. “Não podemos paralisar o mundo, e não é realista dizer que é possível parar a transmissão entre os países. Provavelmente haverá epidemias em vários, mas pode ser contida”, afirmou Michael Ryan, diretor do Programa de Emergências do organismo internacional.
O cenário mudou rapidamente em poucos dias. Passou-se de uma situação em que se observava como os casos na China pareciam ser contidos e como no resto do mundo as infecções eram muito escassas a outra com surtos descontrolados na Itália, na Coreia do Norte e no Irã. Ghebreyesus ressaltou que os surtos podem ser contidos e que o cenário continua sendo de epidemia, tanto pelo número de casos como de mortes fora da China. Ao mesmo…

Todos os atos podem ser anulados

A Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão solicita à PGR (Procuradoria Geral da República), em Brasília, uma representação (íntegra) com pedido para a anulação de todos os atos do ex-secretário de Cultura Roberto Alvim à frente da pasta.

O documento também pede que Alvim seja responsabilizado administrativa e criminalmente pelo vídeo em que cita discurso semelhante ao do nazista Joseph Goebbels, ministro da Propaganda de Adolf Hitler. Alvim foi demitido na última 6ª feira (17.jan).

Caso a PGR acate o pedido os rumo da Cultura serão mudados mais uma vez em menos de dois anos de governo. O desalinhamento político entre o presidente Bolsonaro e a sua equipe traz prejuízos ao país.

(com informações do Poder360)


Comentários

MAIS LIDAS

Deputados negociam para votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!