"Imprecionante": O INEP está infectado pelo analfabetismo do governo

Imagem
Depois que o ministro Weintraub, da Educação, escreveu "imprecionante" em sua conta oficial no Twitter vários erros gravíssimos foram detectados em postagens relacionadas a pasta. Alunos que prestaram o Enem acusam que há erros básicos na prova de redação. O caso está sob investigação.
Mais uma falha gravíssima surgiu nas redes sociais. Desta vez quem cometeu a barbárie foi a conta do INEP, órgão responsável pela aplicação do ENEM.
A conta do Inep, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, no Twitter cometeu um erro de português na sexta-feira, dia 17.
“Já são mais de 2,5 milhões de vizualizações (sic) das notas do Enem”, escreveu algum semianalfabeto de um governo de apedeutas.
Após a repercussão, a mensagem foi apagada.

Vai ter prisão preventiva antes do Natal?

A operação do Ministério Público do Rio de Janeiro que deu busca e apreensão em diversos endereços ligados à família do presidente Jair Bolsonaro é indicativo de que algo muito sério está por vir.

O ex-sogro, a ex-mulher, outros parentes próximos e ex-assessores, além da loja de Flávio Bolsonaro foram os alvos dessa operação que poderá deflagrar possíveis prisões preventivas. Há, por enquanto, suspeitas que outras pessoas estejam ligadas no esquema de "rachadinha" coordenado por Fabrício Queiroz.

A defesa de Flávio Bolsonaro se manifestou de forma discreta porém garantiu que nada que comprometa a conduta do políticos e dos envolvidos será encontrado.

O presidente acusa o governador Witzel, do Rio de Janeiro, de estar tramando contra ele e seus filhos com objetivos eleitoreiros. Por outro lado, Witzel responde que Bolsonaro é um despreparado.

Tudo indica que outras operações serão deflagradas nos próximos dias.




Comentários

MAIS LIDAS

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!