"Imprecionante": O INEP está infectado pelo analfabetismo do governo

Imagem
Depois que o ministro Weintraub, da Educação, escreveu "imprecionante" em sua conta oficial no Twitter vários erros gravíssimos foram detectados em postagens relacionadas a pasta. Alunos que prestaram o Enem acusam que há erros básicos na prova de redação. O caso está sob investigação.
Mais uma falha gravíssima surgiu nas redes sociais. Desta vez quem cometeu a barbárie foi a conta do INEP, órgão responsável pela aplicação do ENEM.
A conta do Inep, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, no Twitter cometeu um erro de português na sexta-feira, dia 17.
“Já são mais de 2,5 milhões de vizualizações (sic) das notas do Enem”, escreveu algum semianalfabeto de um governo de apedeutas.
Após a repercussão, a mensagem foi apagada.

A maior revista evangélica dos EUA pede a saída Trump

O movimento pela saída do presidente Donald Trump através do processo de impeachment ganha força entre os setores da sociedade civil organizada americana. Ontem a Câmara dos Deputados aprovou pela abertura de impeachment contra o presidente. Trump é o terceiro na história que enfrenta esse tipo de julgamento.

A situação está crítica para o presidente americano. A maior revista evangélica dos EUA, a Christyanit Today, publicou editoral onde pede a remoção de Donald Trump do cargo de presidente da República. No texto assinado pelo editor chefe, ele destaca que os EUA sofrem de uma grave crise valores e que isso foi acentuado com a sequência de mentiras proferidas pelo atual presidente.

O editor ainda acusa #Trump de imoralidade e falta de ética. Afirma que vários setores religiosos tiveram o máximo de paciência para evitar um processo de impeachment em razão do desgaste político e econômico que poderá trazer, porém considera que a situação ficou insustentável. No artigo ele pede que os cristãos apoiem o afastamento pelo bem do povo americano.

Leia a íntegra do editorial aqui.


Comentários

MAIS LIDAS

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!