"Imprecionante": O INEP está infectado pelo analfabetismo do governo

Imagem
Depois que o ministro Weintraub, da Educação, escreveu "imprecionante" em sua conta oficial no Twitter vários erros gravíssimos foram detectados em postagens relacionadas a pasta. Alunos que prestaram o Enem acusam que há erros básicos na prova de redação. O caso está sob investigação.
Mais uma falha gravíssima surgiu nas redes sociais. Desta vez quem cometeu a barbárie foi a conta do INEP, órgão responsável pela aplicação do ENEM.
A conta do Inep, Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, no Twitter cometeu um erro de português na sexta-feira, dia 17.
“Já são mais de 2,5 milhões de vizualizações (sic) das notas do Enem”, escreveu algum semianalfabeto de um governo de apedeutas.
Após a repercussão, a mensagem foi apagada.

2020 começa com todos políticos soltos. O único preso é o povo

O Brasil fecha 2019 com o registro de liberdade para diversos políticos envolvidos em escândalos de corrupção. A festa será marcada de muita alegria nas residências de Lula, Michel Temer, Aécio Neves, José Serra, Fernando Collor de Melo, Dilma Rousseff e o próprio Fernando Henrique Cardoso. Os ex-presidentes brasileiros, ex-senadores e deputados festejam com sua famílias mais uma vitória sobre a sociedade brasileira.

O ano de 2020 é eleitoral e os caciques políticos ainda conseguiram emplacar outra vitória absurda, a aprovação de R$ 2 bilhões para gastos em campanhas. O debate foi bem arranjado. Parlamentares debateram exaustivamente a redução do valor de R$ 3,8 bilhões para "míseros" R$ 2 bilhões. Entenderam? Jogaram o valor bem acima para depois conseguirem o que desejam.

Prisioneiro mesmo somente o povo brasileiro. 

Em 2019 mais de 20 milhões de pessoas permaneceram sem emprego. A informalidade atingiu níveis recordes o que promoveu a precarização do trabalho. Nas ruas, apesar da pobreza, a atuação de criminosos não diminuiu. Estados e municípios endividados não investiram suficiente no aparelho de segurança pública.

A dívida pública explodiu. Muito provável que em 2020 o desempego continue forte e o investimento abaixo do esperado. Há especulações que a economia americana sofrerá forte revés o que afetará países emergentes.




Comentários

MAIS LIDAS

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!