URGENTE: OMS declara pandemia

Imagem
A Organização Mundial da Saúde (OMS) declara uma pandemia do coronavirus, num reconhecimento de que a mera estratégia de conter a proliferação da doença já não seria suficiente. A classificação significa que uma transmissão recorrente está ocorrendo em diferentes partes do mundo e de forma simultânea.
Na prática, ao anunciar a pandemia, a agência de Saúde indica que governos devem trabalhar não mais para apenas conter um caso. Mas atuar para atender uma parcela da população mais ampla e vulnerável. Estratégias direcionadas apenas para identificar casos e isolar pessoas precisam ser trocadas para um plano sanitário que possa focar em evitar mortes.

A mudança no status não significa que a taxa de letalidade tenha sido incrementada. Mas que o risco de um contágio seria maior. Em apenas uma semana, o número de países afetados passou de 45 para mais de 110.

(Da coluna de Jamil Chade no UOL)

Senadora assume presidência da Bolívia mas sofre acusação pesada

O governo brasileiro acaba de reconhecer a senadora Jeanine Áñez como presidente da Bolívia, após sua ascensão ao cargo com a queda de Evo Morales. 

Jeanine entrou no palácio do governo aos gritos, carregando uma Bíblia gigante, numa cama patética.

Ela recebeu a tarefa de convocar novas eleições em um prazo de 90 dias, mas nada garante que o fará.

Aos 52 anos, evangélica de ocasião, Jeanine nasceu em Trinidad, no departamento de Beni.

O que pesa contra ela é uma forte acusação de envolvimento no tráfico de drogas. Seus sobrinhos foram presos no Brasil, em 2018, quando traziam 480 Kg de cocaína pura vinda da Bolívia.

Investigações apontam para o envolvimento da senadora com os traficantes presos em território brasileiro. Jeanine nega as acusações.



Comentários

MAIS LIDAS

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Mamata | General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior

VÍDEO. Tratores com jatos lançam fezes sobre Parlamento francês