Pastor admite estupro de menor mas culpa o demônio

Imagem
O pastor de uma igreja na cidade de Gaithersburg, no estado de Maryland (EUA), foi preso nesta quarta-feira (25) após ser acusado de uma tentativa de estupro por uma menina que frequentava o local. Ao ser questionado sobre o abuso, ele afirmou que foi levado a atacar a vítima por 'demônios internos'.
Segundo informações da rede de TV norte-americana NBC, o home, identificado como Octavio Cantarero, de 42 anos, é pastor na Igreja Pentecostal Príncipe da Paz e teria invadido o quarto da jovem, que não teve a idade revelada, enquanto ela dormia.
No depoimento, a vítima afirmou que acordou com Cantarero já em cima dela, mas que conseguiu lutar com ele e fugir do quarto. Após a tentativa de estupro, ele teria tentado abafar o caso e silenciar a garota com alguns presentes, além de prometer que a colocaria em uma escola e até pagaria o aluguel de uma residência, caso ela quisesse se mudar.
Ainda de acordo com a publicação, a menina vivia em um dos quartos da igreja desde o último di…

Pedido de afastamento e prisão de Sérgio Moro é protocolado

O ministro Sérgio Moro pode enfrentar sua mais ferrenha e cruel batalha nos próximos dias. A Anistia Internacional e outros organismos que atuam na defesa dos Direitos Humanos acabaram de protocolar junto à Organização das Nações Unidas (ONU) o pedido de afastamento e posterior prisão do ex-juiz Sérgio Moro acusado de crime grave contra os direitos internacionais.

No documento os defensores dos Direitos Humanos alegam que a operação Lava Jato foi utilizada de forma parcial, eleitoreira e por atos de perseguição contra o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. Os advogados e magistrados que assinaram o pedido, defendem a libertação urgente do petista preso e a execução de procedimento para obrigar o governo brasileiro exonerar e punir Sérgio Moro.

O ministro da Justiça se encontra em missão nos EUA. Moro deverá receber uma medalha numa das universidades americanas e depois seguirá para encontro com representantes do governo Trump. Ainda consta na agenda do ministro sua visita à CIA.

No governo ninguém quis comentar o assunto e os assessores informaram que o presidente Jair Bolsonaro aguardará a decisão do STF em relação ao pedido de liberdade de Lula, julgado nesta terça-feira (25).

A informação sobre a manifestação dos representantes dos Direitos Humanos foi divulgada nesta terça-feira pelo jornal francês RFI.


Comentários

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência