Coronavírus no Brasil: Ministério da Saúde nega. Quem acredita no Ministério?

Imagem
Agentes de Saúde, do estado de Minas Gerais, acionaram o sinal de alerta sobre a suspeita de infecção pela bactéria do #coronavírus em uma paciente, que deu entrada com sintomas semelhantes ao que está sendo apresentado na China.
O caso está sendo acompanhando e investigado pela SES (Secretaria Estadual de Saúde), e tratado como 2019-nCoV. A secretaria informou que mais detalhes serão repassados ainda nesta quarta-feira (22).
A idade e a identidade do paciente ainda não foram confirmados. As autoridades chinesas identificaram o novo coronavírus, que resultou em mais de 400 casos confirmados no país asiático. O primeiro caso nos Estados Unidos foi anunciado em 21 de janeiro de 2020.
O Ministério da Saúde nega
O Ministério da Saúde contrapôs a informação prestada pela SES-MG onde afirma que não há comprovação que seja o mesmo vírus. A questão é: quem acredita na informação do governo?
O ano de 2019 foi marcado por desinformação promovida principalmente pelo presidente Jair Bolsonaro e diver…

Globo reúne diretores e jornalistas em reunião de emergência

A TV Globo decidiu fazer uma reunião de emergência para conter uma crise no Jornal Hoje após perder duas vezes para o programa Balanço Geral, da Record. As informações são de Daniel Castro, do Notícias da TV.

Um dos participantes da reunião foi o produtor especial Robinson Cerântula, jornalista especializado em reportagens policiais e investigativas. Sua presença pode indicar uma mudança no foco do telejornal, que poderá investir em jornalismo policial para enfrentar a concorrente.

Uma das principais críticas é que o telejornal está muito convencional, parecido com o Jornal Nacional. Quadros como Hoje em Casa e Sala de Emprego foram tirados do ar.

Em nota, a Rede Globo negou que tenha feita uma reunião de emergência. Segundo a emissora, o encontro foi para planejar a cobertura para uma possível greve na próxima sexta-feira (14).


Comentários

MAIS LIDAS

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!