Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2019

Moro escondeu mais do que se pode imginar

Imagem
O TRF-4 precisa dar satisfação ao povo brasileiro sobre a conduta irregular do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sergio Moro.
O traidor da Pátria reconhece a veracidade das mensagens do Telegram divulgadas pelo TheIntecerptBrasil. Quando afirmou que deu palestras e doou o dinheiro pra "caridade", Moro assinou a sua culpa. Além disso, ele tenta esconder o crime que cometeu quando não declarou as palestras que havia dado desrespeitando a resolução do CNJ.
Afinal, pra que serve a estrutura do TRF-4? Depois de tudo que foi revelado até o momento nota-se que Sergio Moro faz pouco caso do órgão.

Globo dispara fake news sobre militar traficante e toma invertida da FAB

Imagem
O Jornal Nacional, assim como boa parte da mídia corporativa, tenta colar o tráfico de drogas por um sargento em voo da comitiva presidencial de Bolsonaro aos presidentes antes dele, Dilma, Temer, numa tentativa de normatizar a presença do traficante voador, que foi flagrado com 39 kg de cocaína anteontem, em Sevilha, Espanha.
Mas o porta-voz da Aeronáutica é claro: o sargento traficante só foi incorporado às comitivas presidenciais em 2016, e não em 2011, como afirmara reportagem anterior da Globo, ou 2010 (para botar Lula no rolo, Kamel?), como afirmou a Globo no Jornal Nacional, em reportagem de Délis Ortiz, aquela que entregou uma bíblia de presente a Bolsonaro num puxassaquismo constrangedor.  (Via Vi o Mundo)



Tráfico de drogas e armas tem ligação com milicianos apoiadores de Bolsonaro

Imagem
Policiais, ex-policiais e agregados se transformaram na maior organização criminosa em atuação no Rio de Janeiro. Eles são chamados de milicianos e estão ocupando antigos espaços dos traficantes tradicionais. Os milicianos cariocas são acusados de tráfico de drogas e armas, suborno, assassinatos e muitos outros crimes. Eles estão por trás da morte da vereadora Marielle Franco e do motorista dela, Anderson Gomes.
Além de todos esses crimes, os milicianos se transformaram em uma força eleitoral, apoiando e elegendo vários políticos, em especial os da família Bolsonaro. Jair, Flávio, Eduardo e Carlos Bolsonaro têm nas bases dos milicianos uma espécie de curral eleitoral moderno, obtendo grandes votações, graças ao empenho dos seus parceiros do crime organizado.
Orgulhosa de ser militarista, a dinastia Bolsonaro nunca escondeu seu apreço pela milícia, grupos de paramilitares formados por ex-policiais, PMs, bombeiros e agentes penitenciários que torturam, roubam, traficam e dominam economi…

Explodem mais denúncias contra Sérgio Moro e a Lava Jato

Imagem
O Brasil conhecerá nesta sexta-feira mais um capítulo da Vaza Jato. O anúncio foi feito pelo jornalista Glenn Greenwald, do Intercept, em seu twitter. "O desespero aqui é triste. Vamos esperar até o final do dia - hoje - e depois me dizer se o que o @Estadao publicou aqui hoje é verdade ou não. Eu acho que a resposta será bem clara", escreveu o jornalista.
O InterceptBrasil ainda tem munição suficiente para rodar vários inventários nas redes sociais sobre o maior escândalo de corrupção envolvendo uma das operações mais famosas do Brasil. O acervo, segundo fontes, é muito denso e se fosse impresso daria mais de 2 mil páginas. Os jornalistas garantem que ainda faltam os vídeos, imagens e áudios.
Glenn Greenwald tuitou sua resposta nesta sexta-feira sobre a nota do Estadão.



Bolsonaro encontra Trump no G20 e veja o que ele disse. VÍDEO EXCLUSIVO

Imagem
O presidente Jair Messias Bolsonaro participou nesta quinta-feira (27) de encontro entre os maiores líderes mundias, o chamado G20. O evento aconteceu no Japão. Bolsonaro teve oportunidade para estar com o presidente Putin, da Federação Russa ocasião que enfatizou sua preocupação com a Venezuela e pediu apoio para cessar com os conflitos.
Na última reunião do dia Bolsonaro esteve com o presidente Donald Trump, dos EUA. O presidente brasileiro ficou mais a vontade para dar entrevista pois a relação entre Brasil e EUA está mais sólida neste ano de 2019.


Analistas avaliam que Bolsonaro mantém uma posição de subserviência em relação aos EUA, o que não seria bom para a economia e negócios brasileiros. Confira no vídeo o que ambos falaram.

Bolsonraro dá resposta dura para Ângela Merkel, da Alemanha

Imagem
Ao desembarcar no Japão, Bolsonaro respondeu à chanceler alemã dizendo que o Brasil não está indo à reunião do G-20 para ser advertido. A briga está apenas começando.
Algumas horas depois de Ângela Merkel ter dito que está preocupada com o que está acontecendo no Brasil de Bolsonaro, classificando de “dramática” nossa situação no quesito direitos humanos e meio-ambiente, Bolsonaro respondeu ao seu modo.
Talvez tenha sido nas muitas horas de voo até Tóquio, que Bolsonaro formulou sua resposta, porque sabia que os jornalistas iriam perguntar sobre a declaração da chanceler alemã. Bolsonaro foi rápido no gatilho, bem ao seu jeito, curto e – literalmente – grosso.
O presidente brasileiro disse que a Alemanha tem “muito a aprender” com o Brasil sobre meio ambiente, acrescentando que ” a indústria deles continua sendo fóssil, vem parte do carvão. E a nossa não.”
Merkel havia sido questionada pela deputada do Partido Verde – partido muito atuante na Alemanha -, Anja Hajduk, sobre as negociaçõ…

URGENTE. Juiz quebra sigilos de funcionários de Flávio Bolsonaro

Imagem
O juiz Flávio Itabaiana, da 27ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, autorizou as quebras de sigilos bancário e fiscal de mais oito pessoas apontadas pelo Ministério Público como ex-funcionários do então deputado estadual e hoje senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ).
O magistrado aproveitou a nova decisão, proferida no dia 14 de junho, para aprofundar sua fundamentação para as quebras dos sigilos de 86 pessoas e 9 empresas autorizadas em abril.
A nova decisão, apurada pela Folha, é mantida sob segredo de Justiça. Ela atendeu a pedido do Ministério Público, que apontou mais oito pessoas ligadas a Flávio na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, identificadas após nova pesquisa.
Fazem parte do rol de novos investigados ocupantes de cargos comissionados nomeados no gabinete, comissões e outros órgãos da Casa vinculadas hierarquicamente ao então deputado estadual. Os nomes são mantidos sob sigilo.
A investigação foi aberta após relatório do Coaf (Conselho de Controle das Atividades Financeiras…

Senador não foi jantar com apoiadores de Sérgio Moro

Imagem
Os senadores que apoiam Sergio Moro vão tentar aprovar o projeto anticrime na CCJ (Comissão de Constituição de Justiça) do Senado antes do recesso de julho. A ideia é mostrar que o ministro da Justiça tem apoio político, mesmo depois do escândalo das mensagens.
A missão não é simples: “Não estamos fortes na CCJ”, diz o senador Marcos do Val (PPS-ES), relator do projeto.
No jantar que ofereceu a Moro na quarta (26), com vários senadores, Val e parlamentares como Esperidião Amin (PP-SC) e Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) fizeram contas e concluíram: no plenário, o governo teria hoje 41 dos 81 votos.
Val diz que está mudando pontos do projeto para facilitar a aprovação. Ele vai incluir, por exemplo, um parágrafo que muda o artigo que prevê redução de pena para policial que cometer excesso sob “violenta emoção”. “Em caso de violência de marido, parceiro, a regra não será aplicada”, diz.
O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), era aguardado para o jantar de Moro —e não apareceu. “Ele me…

Jair Bolsonaro abandona entrevista e sai irritado

Imagem
A chanceler alemã, Angela Merkel, falou na última quarta-feira (26) em sessão no Parlamento em Berlim que vê ‘com grande preocupação’ a situação no Brasil sob o governo do presidente Jair Bolsonaro, que ela descreveu como ‘dramática’.


“Eu vejo com grande preocupação a questão da atuação do novo presidente brasileiro", afirmou a chanceler, que disse que aproveitará a ocasião da reunião com a cúpula do G20.
Merkel falou em resposta ao questionamento da deputada do Partido Verde Anja Hajduk, segundo a Deutsche Welle. A parlamentar havia questionado se o governo alemão deveria seguir investindo nas negociações de livre-comércio entre União Europeia e Mercosul, dizendo que a União Europeia deveria usar seu peso econômico como instrumento de pressão para que direitos humanos e a defesa do meio ambiente sejam observados em outras partes do mundo, como a América do Sul.


Confira o vídeo.

Vídeo viraliza depois do pó no avião da FAB

Imagem
O representante de Bolsonaro na Câmara, o deputado delegado Waldir (PSL), deu uma entrevista, em abril, que agora viralizou nas redes. Durante a sua fala, o deputado age de modo bem estranho.
A notícia sobre o carregamento de droga no avião presidencial que fazia parte da comitiva do presidente Jair Bolsonaro ganhou páginas e destaques em todos os jornais do mundo. O sargento da aeronáutica, membro da tripulação, está preso na Espanha onde o avião fez escala.
O vídeo do delegado Waldir bombou nas redes sociais. No dia que foi gravado ele apresentava comportamento suspeito que foi bastante comentado nas redes sociais. O parlamentar ficou irritado com as acusações sobre sua postura.


Confira o vídeo e tire suas conclusões.



México envia 15 mil soldados para a fronteira

Imagem
Um relatório do CN Valencia, da CNN, disse que o México enviou 15 mil soldados para a fronteira norte com os Estados Unidos, a fim de manter a migração lenta.
O México enviou quase 15.000 tropas para a fronteira EUA-México para conter o fluxo migratório. Mais de 2.000 elementos da Guarda Nacional também foram implantados em toda a fronteira sul do país com a Guatemala e Belize: o Secretário de Defesa MX Luis Sandova ”, disse a Valência no Twitter.
A medida parece estar ligada a um esforço em favor do México para evitar as tarifas ameaçadas pelo presidente Donald J. Trump, se o país continuar permitindo que os migrantes passem sem restrições para os Estados Unidos. Há duas semanas, o México concordou em estacionar tropas em sua própria fronteira sul para deter o fluxo de migrantes da América Central.
Enquanto isso, Trump está tentando trazer os democratas à mesa de negociações para enfrentar a crise da imigração ilegal. Ele prometeu deportar milhares de imigrantes ilegais enviando o De…

Quem é o militar traficante de drogas da comitiva presidencial?

Imagem
Um militar da Aeronáutica brasileira foi detido nesta terça-feira (25) no aeroporto de Sevilha, na Espanha. Hoje Bolsonaro que está indo ao Japão participar do G20 faria escala no mesmo aeroporto. Na última hora mudou-se a rota. O avião titular da presidência da República fez escala em Lisboa.
Sim, a nova do dia é que agora a presidência da República tem avião titular e reserva. E neste avião reserva o militar que o governo não identificou foi preso por suspeita de transportar drogas.
O ministério da Defesa de Bolsonaro diz que os fatos estão sendo apurados e que foi determinada a instauração de Inquérito Policial Militar (IPM). Nada mais. Como se traficar drogas a partir de agora passasse a ser considerado segredo de Estado.
A reportagem do UOL, que solicitou mais detalhes sobre o caso à assessoria de comunicação social do ministério da Defesa, não obteve resposta sequer se o militar estava na Espanha a trabalho e o que estava fazendo em Sevilha.

Bateu o desespero em Lula

Imagem
A sessão de ontem do Supremo Tribunal Federal deixou o ex-presidente Lula, pela primeira vez em muitos meses, tenso e ansioso, revela a jornalista Mônica Bergamo, em sua coluna. Segundo ela, Lula acreditou pela primeira vez que poderia, enfim, sair da prisão.
“'Bateu o desespero'”, diz uma pessoa próxima. Lula então orientou os advogados a irem para o tudo ou nada, insistindo na votação do habeas corpus. As ponderações de que protelar o debate poderia ser positivo, já que novas revelações do escândalo das mensagens de Moro com procuradores poderiam surgir, não surtiram efeito", revela a jornalista. "O cálculo era o de que, se o STF não soltasse Lula agora, isso dificilmente ocorreria depois", diz ela.
Bergamo lembra do julgamento do caso Atibaia no TRF-4, que poderá manter Lula preso para sempre, mesmo após a eventual suspeição de Moro.

Bolsonaro diz no Japão que é "missão divina"

Imagem
Uma edição especial do jornal japonês The Japan Times, voltado para reunião de cúpula do G-20, grupo que reúne as 20 maiores economias mundiais, traz um perfil dos líderes que irão participar do encontro onde destaca que o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, já declarou que se acha em uma “missão divina".
O jornal observa, ainda, que Bolsonaro é católico, militar aposentado e que aos “64 anos é conhecido por apoiar o conservadorismo nacional”. O texto também cita que Bolsonaro já demonstrou ceticismo sobre os investimentos chineses no Brasil, um dos maiores parceiros comerciais do país.



Deputada passa vergonha ao questionar o jornalista Glenn Greenwald

Imagem
O jornalista Glenn Greenwald deu uma aula de cidadania e democracia durante sua participação na Comissão de Direitos Humanos nesta terça-feira (25). A sessão foi transmitida através dos canais digitais e pela TV Câmara. O evento bateu recorde de audiência.
A deputada federal Kátia, da base do governo, utilizou seu tempo para destilar críticas, ataques e pedido de prisão do jornalista americano do site InterceptBrasil. Kátia considera que a divulgação de conversas entre Sérgio Moro e Deltan Dallagnol é criminosa.
O jornalista Glenn Greenwald rebateu as acusações da deputada federal lembrando o Art. 5 da Constituição Federal e lembrou que a defesa da liberdade de imprensa é um direito garantido em todos os regimes democráticos. Foi ainda mais longe. O jornalista afirmou que o Brasil está vivendo um momento muito crítico onde jornalista vivem sob pressão por não concordar com o partido do governo.
A participação do jornalista repercutiu na mídia internacional que olha apreensiva o cerceamen…

Avião da comitiva de Bolsonaro transporta droga e é apreendido

Imagem
A Guarda Civil mantém uma operação aberta em relação à prisão feita nesta terça-feira no aeroporto de São Paulo de um membro da delegação que acompanha o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro.
Um sargento do Grupo Especial de Transporte da Força Aérea Brasileira (FAB) foi apreendido com drogas em sua bagagem. A notícia, divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo, foi confirmada pelo próprio presidente através de sua conta no Twitter. 
O Ministério da Defesa do Brasil também emitiu uma declaração em que censura os atos cometidos por um de seus membros.

Avião da FAB é apreendido com drogas na Espanha. A FAB é uma farsa

Imagem
De um interlocutor direto da Presidência que acompanha o entrevero. A prisão do militar da Aeronáutica na Espanha (leia mais em Drogas em avião da FAB), com drogas em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) é um duro golpe nos planos do governo de melhorar a imagem de Jair Bolsonaro.
Embora o militar não tenha ligação com a comitiva de Bolsonaro que vai ao Japão nesta semana, o episódio fornece munição para os críticos acusarem o governo de coisas ainda piores que as críticas já proferidas na área de costumes.

Mulher que abortar poderá ser internada para tratamento psiquiátrico. É o fim!

Imagem
O Projeto de Lei que pede internação compulsória para tratamento psiquiátrico para mulheres que praticarem aborto é de autoria de um dos líderes do Movimento Brasil Livre, o MLB, que foi tratado pelo ex-juiz Sérgio Moro de "tontos".
A ideia de internação partiu do vereador paulista Fernando Holiday que apresentou à Câmara Municipal de Vereadores, o PL que pode colocar em vias de internação todas as mulheres que passarem pelo procedimento abortivo.
Holiday bem que tentou explicar seu projeto, porém já recebeu uma saraivada de críticas duras da ala feminina e de apoiadores que defendem a liberdade de cada uma fazer aquilo que bem entender.
Ciro Gomes, que saiu candidato na última eleição, esteve nesta manhã em um programa de rádio, em São Paulo, onde foi indagado sobre a ideia do vereador. Ciro, como sempre, foi taxativo. "O Fernando Holiday é um capitão do mato".
O vereador disse que irá processar Ciro Gomes devido a sua declaração considerada por ele ofensiva.
Holiday é…

Senado fecha o cerco sobre Sérgio Moro. 'Cassado ou preso"

Imagem
Davi Alcolumbre presidente do Senado Federal declarou nesta terça-feira que as mensagens entre o ex-juiz Sérgio Moro e membros da Força Tarefa da Lava Jato extrapolaram todos os limites da ética e por isso todos estariam cassados ou presos, se fossem senadores.
A declaração de Alcolumbre sinaliza que a maioria no Senado Federal tem mantido uma postura de isenção porém preocupado com a falta de ética de Sérgio Moro nas sentenças prolatadas no âmbito da operação Lava Jato. Moro esteve na CCJ do Senado na última semana onde se manteve crítico ao site InterceptBrasil tentando desqualificar as reportagens.
Nesta semana o site disparou mais uma série de diálogos que apresentam a interferência direta do então juiz na escolha de procuradores que deveriam compor a banca de acusação. Moro sugeriu que Deltan olhasse a situação da procuradora Tessler considerando-a "fraquinha". Neste diálogo fica claro que Moro queria alguém mais corajoso para fazer o jogo que pudesse incriminar Lula de a…

Abreviaram a vida do ministro Teori Zavascki?

Imagem
Os diálogos revelados pela parceria Folha-Intercept na edição do dia 23 de julho de 2019 podem reabir um debate e a investigação sobre os reais motivos que levaram à morte do ministro do STF, Teori Zavascki. Na conversa é fácil perceber a articulação Sergio Moro-Deltan Dallagnol para contornar os incômodos com o Supremo Tribunal Federal (STF).
Teori era um grande empecilho à Lava Jato.
A conversa exposta pelo aplicativo Telegram revela que o ministro era distinto. Teori seria um freio para o atrevimento da Lava Jato contra o Estado de Direito. Seus predicados de firmeza, imparcialidade, respeito e autoridade, mesmo não levando adiante a punição a Moro no episódio do vazamento das conversas de Lula e Dilma, foram vistos como ameaça.
Sua substituição por Luiz Edson Fachin era tudo o que faltava para a consumação da grande operação jurídico-política. Essa constatação certamente ressuscitará outras “teorias conspiratórias”. Como a história da influência da CIA, FBI e DoJ na operação que des…

Silas Malafaia faz anuncio que abala o meio evangélico

Imagem
O pastor Silas Malafaia utilizou suas redes sociais para comunicar aos seus seguidores ontem (19) que estava ingressando com um pedido de recuperação judicial da Editora Central Gospel, de sua propriedade.
Segundo o pastor, hoje em dia a Central Gospel vende apenas cerca de 25% do valor total que vendia em 2015, ou seja, acumula prejuízo de 75% da receita, e por isso está mal financeiramente.
“Eu quero dar aqui uma informação porque muita gente não tem o domínio do conhecimento nessa área […] A partir de 2015, com o agravamento da crise econômica do nosso país muitas empresas quebraram. 14 milhões de desempregados. Empresas faliram. Muitas empresas usaram um instrumento legal chamado recuperação judicial. A gigante da telefonia Oi está está em recuperação judicial”, exemplificou.
Silas Malafaia citou, ainda, outras editoras que também pediram recuperação judicial, como a Abril e a Saraiva.
A recuperação judicial é um plano de sobrevivência para que empresas não decretem a falência. Se con…

Processos contaminados da Lava Jato anularão resultados das eleições 2018

Imagem
A contaminação dos processos da Operação Lava Jato contaminaram também todo processo eleitoral de 2018 que elegeu Jair Bolsonaro e vários candidatos que tiraram proveito do quadro de caos e combate à corrupção estabelecido pela Força Tarefa da Lava Jato. Analistas políticos e jurídicos avaliam que as decisões do juiz Sérgio Moro e a cobertura ostensiva da mídia influenciaram diretamente na decisão do eleitor.
Os documentos reproduzidos pelas reportagens do site InterceptBrasil e demais jornais da imprensa brasileira comprovam que as relações entre o Judiciário, o Ministério Público Federal, a Polícia Federal e a imprensa revelam um a teia de corrupção. Sérgio Moro influenciou diretamente na condução da ação proposta pelo MPF contra Lula e seus aliados. 
A eleição de 2018 teve sua estrutura de pré-campanha baseada nas denúncias de corrupção envolvendo políticos ligados ao PT, principal adversário político de Jair Bolsonaro.
Há especulações que o site #InterceptBrasil fará revelações ainda…

Pedido de afastamento e prisão de Sérgio Moro é protocolado

Imagem
O ministro Sérgio Moro pode enfrentar sua mais ferrenha e cruel batalha nos próximos dias. A Anistia Internacional e outros organismos que atuam na defesa dos Direitos Humanos acabaram de protocolar junto à Organização das Nações Unidas (ONU) o pedido de afastamento e posterior prisão do ex-juiz Sérgio Moro acusado de crime grave contra os direitos internacionais.
No documento os defensores dos Direitos Humanos alegam que a operação Lava Jato foi utilizada de forma parcial, eleitoreira e por atos de perseguição contra o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. Os advogados e magistrados que assinaram o pedido, defendem a libertação urgente do petista preso e a execução de procedimento para obrigar o governo brasileiro exonerar e punir Sérgio Moro.
O ministro da Justiça se encontra em missão nos EUA. Moro deverá receber uma medalha numa das universidades americanas e depois seguirá para encontro com representantes do governo Trump. Ainda consta na agenda do ministro sua visita à CIA.
No g…

STF mantém julgamento de Lula e o petista pode ser solto

Imagem
O Habeas Corpus (HC) que discute a suspeição de Sergio Moro e pode colocar Lula em liberdade será julgado pela segunda turma do Supremo Tribunal Federal na terça (25). A informação foi confirmada junto à defesa do ex-presidente.
Na manhã desta segunda (24), a jornalista Mônica Bergamo informou que o julgamento seria adiado para agosto, porque a ministra Cármen Lúcia teria inserido o item no último lugar da lista com 12 ações para serem apreciadas pela turma. Segundo a jornalista, era um indicativo de que não haveria tempo hábil para concluir a discussão, já que apenas o voto de Gilmar Mendes tem mais de 40 páginas.
Lula aguarda que os ministros cumpram à Constituição Federal.

Record afasta Paulo Henrique Amorim

Imagem
Após 14 anos ininterruptos, Paulo Henrique Amorim, jornalista da Record TV , deixará a bancada do "Domingo Espetacular". A informação foi confirmada pela assessoria da emissora, que afirmou que o apresentador será substituído por Patrícia Costa e Eduardo Ribeiro.
"Paulo Henrique Amorim deixa o programa e permanece na emissora à disposição para novos projetos", completa o comunicado sobre o afastamento do jornalista da Record TV .

Malas de dinheiro saíam da Camargo Correa para pagamentos de autoridades políticas e militares

Imagem
Malas de dinheiro saíam da Conquista, principal empresa do Grupo Camargo Correa, em São Paulo. O dinheiro era para irrigar esquema criminoso de corrupção envolvendo autoridades militares e políticas. No áudio quem confessa a saída de malas de dinheiro é o próprio irmão de Fernando de Arruda Botelho, que foi morto em acidente aéreo. A Camargo Correa é o coração da corrupção no Brasil com um leque de mais de 200 empresas operando para lavagem de dinheiro.



Clique e ouça a confissão.

Terremoto e risco de tsunami deixam moradores em pânico

Imagem
Um forte tremor de terra de magnitude 7,3 na escala de Richter atingiu o mar de Banda, a noroeste de Timor-Leste. Não há registro de vítimas até o momento.
Dados do Centro Sismológico Euro-Mediterrânico confirmaram que o sismo ocorreu a uma profundidade de 224 quilômetros, pouco tempo depois de outro forte sismo, de 6,1 ter atingido a província indonésia de Papua, na ilha de Nova Guiné.
Em alguns locais de Díli, como no centro comercial Timor Plaza, várias pessoas saíram para a rua durante o forte abalo. Há possibilidade de tsunami, segundo o Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico.
O terremoto foi igualmente sentido na cidade australiana de Darwin, também com as pessoas a saírem para a rua em vários locais.



Fux, o ministro do auxilio moradia, dá explicações

Imagem
No Supremo Tribunal Federal (STF) as paredes confessaram que o ministro Fux, aquele da conversa com Dallagnol, tem mantido diálogos com seus colegas para esclarecer o episódio divulgado pelo site InterceptBrasil.
Fux procurou colegas no STF (Supremo Tribunal Federal) para esclarecer o episódio “In Fux We Trust”.
O ministro teria dito a outros ministros que o diálogo, como relatado pelo procurador Deltan Dallagnol a Moro, não existiu. 
Dallagnol afirmou a colegas que Fux tinha dito, num encontro, que os procuradores poderiam “contar com ele para o que precisarmos”. (...)

Policiais fazem reunião para marcar greve

Imagem
Entidades ligadas à Polícia Civil do Paraná e à Polícia Militar do Paraná se reúnem, na manhã desta segunda-feira (24), para definir uma pauta de reações as últimas declarações do governador Ratinho Junior. O chefe do Poder Executivo afirmou que o Estado “não tem dinheiro”para dar o reajuste salarial de 4,97% reivindicado pelas categorias.
O governador se baseia na Lei de Responsabilidade Fiscal, que estaria no limite, e que seria herança de governos anteriores. “Podemos até pensar em reajuste, mas seria necessário aumentar impostos. E precisamos perguntar para a sociedade se quer aumento de imposto para dar reajuste para servidor”, disse Ratinho na última semana.
O encontro será na sede da Associação dos Delegados de Polícia do Estado do Paraná (Adepol-PR). Estarão na reunião representantes das entidades dos Praças e Oficiais da Polícia Militar, dos Agentes Penitenciários, Investigadores, Escrivães, Papiloscopistas e Delegados de Polícia. “A cada declaração infeliz do governado Ratin…

"O povo saberá tudo e o impacto será maior", publicou o jornalista Glenn Greenwald

Imagem
O jornalista Glenn Greenwald voltou a afirmar nesta segunda-feira (24) que os dados contidos no arquivo de conversas entre Sérgio Moro e a equipe da Lava Jato são devastadores. Ele garante que todo conteúdo será devidamente divulgado, mas com responsabilidade.
Glenn tem sofrido pressão por setores da política ligados ao presidente Jair Bolsonaro e o ministro Sérgio Moro. As cobranças vão desde a sua deportação até ameaças de morte à família do jornalista e seu companheiro, o deputado federal David Miranda (PSOL).
Neste final de semana o site #InterceptBrasil divulgou em parceira com o jornal Folha de São Paulo mais conteúdos comprometedores que evidenciam a ação conjunta entre o ex-juiz Sérgio Moro dando coordenadas e orientações ao Ministério Público Federal que é a parte acusadora nos processos da Lava Jato.
Moro está nos EUA onde visita a CIA. O que um ministro da Justiça faz nos EUA e na CIA? Isso é outro tema.


No Twitter o jornalista Glenn Greenwald publicou o seguinte:

Aprendi com a…

Sérgio Moro ficou indignado com delegado federal, por quê?

Imagem
As conversas travadas entre Sérgio Moro e o procurador da Lava Jato, Deltan Dallagnol, revelam mais sobre a novela de corrupção que virou o que seria a maior operação de combate à corrupção no Brasil. A influência do juiz, naquela época, era tamanha que chegou a decidir sobre as funções e tarefas de um delegado da Polícia Federal.
O jornalista Reinaldo Azevedo em parceria com o IntecerptBrasil descreveu de forma bem detalhada sobre a trama sórdida mantida através do aplicativo Telegram.
Confira abaixo o trecho escrito pelo jornalista:
1: nota-se a clara insatisfação de Moro com o fato de a PF ter anexado aos autos a tal da lista da Odebrecht, que trazia políticos com foro especial. Obviamente, há mais do que o simples temor de provocar a ira de Teori Zavascki. Sem essa divulgação, havia a possibilidade de que tais pessoas continuassem a ser investigadas de modo irregular pela força-tarefa — quando essa era uma competência da Procuradoria-Geral da República —, sob, literalmente, o comando…

Telegram quer entregar mensagens originais que comprometem Moro

Imagem
Sérgio Moro, ministro da Justiça, alegou que as mensagens não existem mais em seu celular pessoal e corporativo. O senador do PSD, na Comissão da Constituição e Justiça (CCJ), pediu ordens ao ministro para o que #Telegram possa fornecer os dados que ficam armazenados na nuvem, no servidor.
Moro não sabe que toda conversa e troca de arquivos no aplicativo Telegram ficam armazenados nos servidores da empresa que estão na Rússia. O magistrado não quis dar autorização para remessa dos originais e permanece acusando o #IntercepBrasil de fazer sensacionalismo.
O Telegram garante que fornece todas as mensagens referente ao ministro Sérgio Moro caso as autoridades brasileiras necessitem comprovar as autenticidades das que foram divulgadas até agora pelo site InterceptBrasil.


Interpol afirma que "Sérgio Moro violou regras internacionais"

Imagem
Esse é o dispositivo que o Comitê de Controle de Arquivos da Interpol considerou violado ao retirar o advogado Rodrigo Tacla Duran lista de procurados internacionais e suspender o alerta vermelho que existia em seu nome.
De acordo com a Interpol, a conduta do juiz Sergio Moro, responsável pela operação “lava jato” em Curitiba, lançou dúvidas sobre a existência de um julgamento justo contra o ex-funcionário da Odebrecht, e apontou violação de leis, princípios, tratados e normas do Direito internacional, reconhecidos pelo Brasil.
Entre as evidências apresentadas pela defesa de Duran à Interpol, estão as reiteradas decisões de Moro de negar o arrolamento do advogado como testemunha de defesa de Lula. Ao fazê-lo, afirma o advogado de Duran, Sebastian Suarez, Moro desqualificou a fala de seu cliente antes mesmo de ouvi-la, como se a tivesse prejulgado.
Outra das evidências é a entrevista de Moro ao programa Roda Viva, da TV Cultura. Nela, o magistrado fala abertamente sobre o processo, o q…

FHC é "aliado" de Sérgio Moro, revela o site Intercept Brasil em mensagens do Telegram

Imagem
Um trecho do chat privado entre Sergio Moro e o procurador Deltan Dallagnol revela que o ex-juiz discordou de investigações sobre o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na Lava Jato porque, nas palavras dele, não queria “melindrar alguém cujo apoio é importante”. O diálogo ocorreu em 13 de abril de 2017, um dia depois do Jornal Nacional ter veiculado uma reportagema respeito de suspeitas contra o tucano.
Naquele dia, Moro chamou Deltan Dallagnol em um chat privado no Telegram para falar sobre o assunto. O juiz dos processos da Lava Jato em Curitiba queria saber se as suspeitas contra o ex-presidente eram “sérias”. O procurador respondeu acreditar que a força-tarefa – por meio de seu braço em Brasília – propositalmente não considerou a prescrição do caso de FHC e o enviou ao Ministério Público Federal de São Paulo, segundo ele, “talvez para [o MPF] passar recado de imparcialidade”.
À época, a Lava Jato vinha sofrendo uma série de ataques, sobretudo de petistas e outros grupos de esq…

Ratinho promove notícia falsa na cara de pau

Imagem
Às vésperas de depor no Senado para explicar o conteúdo de supostas conversas vazadas pelo site The Intercept, o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, concedeu entrevista ao programa do Ratinho, que foi exibido nesta terça-feira 18, no SBT. Bastante elogiado pelo apresentador, que lhe chamou de “um herói sem capa, único herói brasileiro no momento”, Moro se disse tranquilo quando às denúncias.
“Não posso confirmar [se as conversas aconteceram], não tenho mais as mensagens [no meu celular]. Mas posso dizer que sempre agi com lisura na minha profissão”, declarou o ministro.
De acordo com ele, a maior preocupação quanto ao assunto não é o conteúdo das mensagens divulgadas, mas sim o que considera “um ataque criminoso às instituições”.
“A minha opinião é que não estamos falando de um adolescente na frente de um computador, querendo fazer estripulias, mas de um grupo criminoso e organizado cujo objetivo é obstaculizar os avanços da Lava Jato”, disse.
Ratinho comentou que rec…

Senadores barram projeto do governo

Imagem
O plenário do Senado aprovou nesta terça (18) um projeto de decreto legislativo que susta os efeitos do decreto do presidente Jair Bolsonaro que flexibilizou a posse e o porte de armas.
Após intenso debate, o senadores decidiram por 47 votos contra 28, que o decreto excede as competências do presidente.
O regulamento do Executivo altera o Estatuto do Desarmamento (Lei 10.826, de 2003). Assinado em maio pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, o decreto concede porte a 20 categorias profissionais e aumenta de 50 para 5 mil o número de munições que o proprietário de arma de fogo pode comprar anualmente. Medidas que facilitam o acesso a armas e munição faziam parte das promessas de campanha de Bolsonaro.



Sérgio Moro não queria "melindrar" FHC. Intercept revela a podridão de Moro e o MPF

Imagem
A podridão de Sérgio Moro e dos procuradores da Lava Jato vem à tona novamente com mais uma revelação bombástica. Sérgio Moro teria frustrado investigações contra FHC, nove vezes citado nas delações, para não "melindrar" o alvo em razão de apoio futuro.
O InterceptBrasil revelou novos trechos de conversas trazidas do aplicativo Telegram onde fica claro o viés partidário do juiz Sérgio Moro na condução das investigações. Moro tem dados desculpas utilizando os argumentos de que as mensagens são obtidas por meio ilegal, mas o teor é que interessa.
Mais uma vez o juiz se encontra em situação desconfortável e vai minando a credibilidade no Judiciário e no Ministério Público Federal. A imparcialidade devido ao cargo se mostra frágil e coloca em xeque toda estrutura jurídica.
Acesse o InterceptBrasil para ler a íntegra das mensagens.

Rússia suspende tratado de armas nucleares com EUA

Imagem
O parlamento da Rússia aprovou nesta terça-feira, 18, a lei para suspender Tratado de Forças Nucleares de Alcance Intermediário (INF), assinado com os Estados Unidos em 1987, durante a Guerra Fria. No último dia 2 de fevereiro, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou que o país abandonaria o tratado de controle de armas nucleares em resposta a decisão do presidente americano, Donald Trump, de deixar o acordo. O Departamento de Estado americano alega que as negociações para obrigar Moscou a abandonar mísseis e lançadores falharam.

Os dois países trocaram acusações de descumprimento do INF e, após contatos infrutíferos entre representantes dos EUA e da Rússia em Genebra e em Pequim, Washington anunciou finalmente em 1º de fevereiro que deixará o tratado em um prazo de seis meses.

Procuradores são afastados por causa de conversas ilegais

Imagem
O procurador-geral da Suíça, Michael Lauber, e outros dois procuradores foram afastados das investigações relacionadas com a corrupção na Fifa. A decisão foi tomada pelo Tribunal Federal da Suíça que, depois de avaliar duas queixas, julgou que os implicados não poderão continuar a fazer parte do inquérito iniciado em 2015.
Lauber é também responsável pelas investigações sobre a Lava Jato. Mas a decisão anunciada não afeta essa dimensão de seu trabalho. O caso teve início quando a imprensa revelou encontros não declarados entre Lauber o presidente da Fifa, Gianni Infantino. A realização das reuniões não é proibida. Mas precisam ser protocoladas e registradas.
Um procedimento disciplinar foi aberto contra o procurador. Mas, ao mesmo tempo, duas queixas foram apresentadas ao tribunal local. O resultado foi a constatação de que as ações de Lauber, por sua falta de transparência, colocaria em dúvida sua imparcialidade.(…)
Viram como a coisa funciona em um país de verdade?

Terremoto e tsunami no Japão

Imagem
A Agência Meteorológica do Japão emitiu um alerta de tsunami após um terremoto de 6,4 graus na escala Richter atingir o Mar do Japão nesta terça-feira, 18, às 10h22 pela hora de Brasília. Segundo o Serviço Geológico dos EUA (USGS, na sigla em inglês), o tremor foi de 6,4 graus e ocorreu a 33 km de Tsuruoka, a uma profundidade de 16,1 km.
O alerta prevê a possibilidade de tsunami de elevação do mar em 0,2 a 1 metro no litoral noroeste da ilha principal do arquipélago japonês, nas províncias de Yamagata, Niigata e Ishikawa.

Empresário confessa envio de 3 milhões de mensagens ilegais por semana para campanha de Bolsonaro

Imagem
O espanhol Luis Novoa, dono da Enviawhatsapps, confirmou que empresários brasileiros contrataram programa de sua agência para fazer disparos de mensagens em massa, pelo Whatsapp, em favor do então candidato Jair Bolsonaro (PSL) durante a campanha eleitoral de 2018. Em gravação obtida pelo jornal Folha de S.Paulo, Novoa afirma que só foi descobrir do uso político quando algumas linhas telefônicas utilizadas passaram a ser cortadas pelo aplicativo de mensagens.
Segundo a reportagem, “empresas, açougues, lavadoras de carros e fábricas” brasileiras contrataram os serviços de Novoa. Até então, ele disse achar normal, pois muitas empresas utilizam os disparos pelo Whatsapp para fazer marketing comercial.
“Mas aí começaram a cortar nossas linhas, fomos olhar e nos demos conta de que todas essas contratações, 80%, 90%, estavam fazendo campanha política”, diz o espanhol. Perguntado se faziam campanha para um partido político, Novoa responde: “Eram campanhas para Bolsonaro”.

O impressionante salto da baleia Jubarte na Praia da Barra da Tijuca

Imagem
Banhistas filmaram o momento que uma gigantesca baleia jubarte deu um espetáculo na praia da Barra da Tijuca nesta sexta-feira. O animal apareceu quando banhista velejavam. A cena é impressionante.
Uma das banhistas narra que a força que o animal fez para saltar é tão grande que o barco que estavam começou a balançar como se fosse virar.
A baleia jubarte é um animal que não traz riscos à vida humana. Entretanto ambientalista recomendo evitar aproximação para não abrir chances de um ataque surpresa.



A cena está percorrendo o mundo. O salto é sensacional.



Baleia Jubarte apareceu no mar da Barra da Tijuca. @bandnewsfmrio@jornalextra@jornalodia@OGlobo_Rio@recordtv_rio@sbtrio@baixadanaweb@SGOurgente@alertario24hrs@LeiSecaRJ@Niteroi_Noticia@Guadalupe_Newspic.twitter.com/x9h8Per0lA — Informações RJ (@Informacoes_RJ) June 18, 2019

Turistas sem vistos chegam ao Brasil. O país está de pernas abertas

Imagem
No Galeão, o ministro do Turismo Marcelo Álvaro Antônio recebeu os primeiros visitantes a entrarem no Brasil com a isenção de vistos. A medida beneficia turistas da Austrália, Canadá, Estados Unidos e Japão.
Os riscos gerados com a isenção de vistos são reais e deixam as autoridades em Segurança Pública preocupados. A não exigência de visto abre espaço para organizações criminosas enviarem ao Brasil seus membros.
A indústria do Turismo no Brasil operou em tempos de crise trazendo resultados satisfatórios mesmo com a exigência de visto.