Policial ateia fogo em carro de mulher no Ceará

Imagem
Um policial militar foi preso em flagrante, suspeito de incendiar um carro na cidade do Crato, no Cariri, na madrugada desta quinta-feira (20). 
Ao jornal Diário do Nordeste, a dona do veículo, a ação ocorreu após ela fazer críticas em redes sociais à paralisação de grupos de policiais do Estado. O policial recebeu liberdade provisória após audiência de custódia.
Na saída da delegacia o autor do crime não quis falar com a imprensa. Ele responderá em liberdade.

Militar assume e demite pupila de Olavo de Carvalho

O militar contra-almirante da Marinha, Sérgio Segovia, assumiu à Presidência da APEX - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos - após ser indicado por outro militar que faz parte do governo. O presidente Jair Bolsonaro aprovou a indicação e assinou a nomeação.

Segovia mal sentou na cadeira e expediu o comunicado informando que a diretora de negócios, Letícia Catelani, indicada pelo professor Olavo de Carvalho, não faria mais parte da equipe de trabalho. Letícia não teve tempo para apresentar resultados e foi demitida.

O ato gerou insatisfação dentro da equipe de governo. Nas redes sociais foram diversos os protestos com a saída de Letícia. No Twitter os internautas postaram manifestos com hastags duras contra a atuação de militares no governo.



Comentários

MAIS LIDAS

Deputados negociam para votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!