Petrobras garante lucro de US$ 34 bilhões para acionistas americanos. "Amamos a direção da empresa", disseram

Imagem
A diretoria da Petrobras reuniu nesta semana com representantes de bancos e acionistas americanos, em Nova Iorque. O encontro, segundo assessores do banco BTG Pactual, soou como "música aos ouvidos".
Os diretores garantiram que farão uma nova projeção de alta das ações da empresa na Bolsa de Valores e assumiram compromisso em distribuir US$ 34 bilhões em dividendos entre os anos de 2020 e 2024, o que dará um percentual de ganho de 9%.
As medidas adotadas pela estatal levarão mais dinheiro para as contas de agências, bancos e acionistas. 
Na bomba o preço médio do litro de gasolina varia entre R$ 4,28 e R$ 5,15. O que está impactando de forma negativa no mercado consumidor interno.
A informação é do site Moneytimes.



Militar assume e demite pupila de Olavo de Carvalho

O militar contra-almirante da Marinha, Sérgio Segovia, assumiu à Presidência da APEX - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos - após ser indicado por outro militar que faz parte do governo. O presidente Jair Bolsonaro aprovou a indicação e assinou a nomeação.

Segovia mal sentou na cadeira e expediu o comunicado informando que a diretora de negócios, Letícia Catelani, indicada pelo professor Olavo de Carvalho, não faria mais parte da equipe de trabalho. Letícia não teve tempo para apresentar resultados e foi demitida.

O ato gerou insatisfação dentro da equipe de governo. Nas redes sociais foram diversos os protestos com a saída de Letícia. No Twitter os internautas postaram manifestos com hastags duras contra a atuação de militares no governo.



Comentários

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência