Policiais disparam contra o rosto de uma mulher

Imagem
Elizangela Moraes, 44 anos, estava sentada em um banco com o namorado no município de Sorriso (MT), a 420 quilômetros de Cuiabá, quando os dois militares viraram uma esquina e efetuaram os disparos. Ela foi baleada no rosto e no pescoço.
Segundo testemunhas, os policiais Ezio Sousa Dias e Webert Batista Ribeiro, ambos de 30 anos, se envolveram em uma confusão em um bar. Os dois foram presos em flagrante. 
O namorada da vítima, Osvaldo Pereira Gomes Neto, disse, no entanto, que não havia confusão. "Eles nem falaram com a gente, não conhecíamos eles. Nós temos que respeitar a polícia em uma abordagem, porque somos pessoas de bem, mas eu pergunto, o que justifica esse tiro?", questiona. Seu relato foi publicado no G1.
(com informações do G1)



Fim da aposentadoria faz subir demanda por planos funerários no Brasil

Após o pacto firmado entre o presidente Jair Bolsonaro, o ministro Dias Toffoli, o senador Davi Alcolumbre e o deputado federal Rodrigo Maia, o mercado de venda de planos funerários começou apresentar sinais de aquecimento. Tudo indica que na reunião entre os representantes dos poderes, ficou acertada a aprovação da reforma previdenciária pelos termos do Executivo.

Empresários do setor de serviços estão empolgados com a decisão dos políticos em aprovar a reforma que corta benefícios de milhares de trabalhadores, aposentados e pensionistas. Eles imaginam que com a medida o mercado funerário voltará a crescer gerando mais postos de trabalho para a população.

Os planos funerários no Brasil cobrem todas despesas com o velório. Alguns incluem até maquiagem, tratamento de imagem com photoshop para a página do Facebook (in memoria) e serviços de transportes para família do morto.

"É um momento de dor que tentamos aliviar. Nós entendemos o sofrimento da família por isso oferecemos o máximo de conforto e carinho. O presidente Bolsonaro aprovando essa reforma estará contribuindo para incrementarmos nossos serviços", garantiu o proprietário da empresa que já começou a investir pesado.


Comentários

MAIS LIDAS

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!