Major Olimpio ataca publicamente Bolsonaro

Imagem
O senador Major Olímpio deu entrevista à Rádio Jovem Pan na tarde deste domingo (08) durante os protestos convocados pelos movimentos sociais. Olímpio está no PSL e não quis acompanhar o presidente Bolsonaro para o novo partido Aliança Pelo Brasil.
Olímpio ainda se diz amigo de Bolsonaro porém destacou que o presidente foi insuflado pelos filhos e advogados para embarcar no que classificou como "aventura política" e rotulou a sigla como "Titanic político".




Confira a fala do senador do PSL-SP.



Na minha visão ele(@jairbolsonaro) cometeu um grande equívoco, saiu de um partido 100% dele pra uma aventura chamada aliança, será um Titanic político"@majorolimpio totalmente fora da realidade, não percebeu que quem está no Titanic político é ele.
pic.twitter.com/XXoeXmyXL7 — Sakura 🇧🇷🇯🇵 (@JapaDoBonor0) December 8, 2019

Coronel PM condenado por estupro ainda recebe salário de R$ 22 mil

Condenado a uma pena de 11 anos de prisão por crimes de estupro de vulnerável e corrupção ativa, por conta de um abuso sexual envolvendo uma criança de 2 anos, em 2016, o coronel reformado da PM Pedro Chavarry Duarte, de 65 anos, continua integrando os quadros da Polícia Militar do Rio de Janeiro. De acordo com o site Rio Previdência, onde constam vencimentos de aposentados e pensionistas do estado, o oficial recebeu de vencimento líquido, em março último, a quantia de R$ 22.785.50.

Na última sexta-feira, Chavarry teve a prisão temporária decretada pela Justiça. O ato ocorreu baseado numa nova investigação da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV). No inquérito, o oficial é suspeito de ter estuprado outras duas crianças. Os fatos ocorreram também em 2016.


Comentários

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência