Homem de cueca tenta fugir da casa da amante e cai na calçada

Imagem
Um homem que fugia da casa da amante - que é casada - pelas paredes da fachada de um prédio em Maoming (província de Guangdong, China), usando apenas uma camisa e cueca, acabou caindo na calçada abaixo.
O caso viralizou na rede Weibo (equivalente chinês ao Twitter). De acordo com testemunhas, o homem teria fugido após a família da amante retornar inesperadamente ao apartamento. O chinês conseguiu se sustentar por alguns minutos, chegou a fazer uma ligação, mas acabou perdendo a força e despencando por vários andares.
Um vídeo feito de edifício vizinho registrou boa parte da cena. Não há, entretanto, imagens da queda. O material termina com o corpo caído na calçada, cercado por algumas pessoas.

Michel Temer vira réu em mais um escândalo de corrupção

O ex-presidente Michel Temer recebeu o aviso através de seus advogados que a 15ª Vara Criminal de Brasília pôs o maçom e medebista no banco dos réus. Temer agora terá que responder sobre o suposto envolvimento nas artimanhas do Grupo JBS. Há denúncia que ele teria recebido propinas e teria responsabilidade direta sobre a mala com R$ 500 mil.

Nessas prisões, idas e vindas da Lava Jato, um ponto interessante deve ser percebido: a maioria dos presos têm são membros da maçonaria.

Recentemente, na Itália à justiça determinou o fechamento da Loja Maçônica e a prisão imediata de seus membros por envolvimento com a máfia Cosa Nostra. A maçonaria estava interferindo diretamente nas decisões de Estado, atuando sobre contratos públicos, determinando nomeações, coagindo juízes e autoridades, além de encomendar assassinatos.

No Brasil, todos os integrantes de quadrilhas do colarinho branco tem o pé na maçonaria. Michel Temer quando assumiu à Presidência teve que se afastar (adormeceu) das reuniões em sua loja maçônica para dar atenção aos negócios do governo. Entretanto, era constante a presença de maçons em seu gabinete e reuniões políticas.


Comentários

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência