Major Olimpio ataca publicamente Bolsonaro

Imagem
O senador Major Olímpio deu entrevista à Rádio Jovem Pan na tarde deste domingo (08) durante os protestos convocados pelos movimentos sociais. Olímpio está no PSL e não quis acompanhar o presidente Bolsonaro para o novo partido Aliança Pelo Brasil.
Olímpio ainda se diz amigo de Bolsonaro porém destacou que o presidente foi insuflado pelos filhos e advogados para embarcar no que classificou como "aventura política" e rotulou a sigla como "Titanic político".




Confira a fala do senador do PSL-SP.



Na minha visão ele(@jairbolsonaro) cometeu um grande equívoco, saiu de um partido 100% dele pra uma aventura chamada aliança, será um Titanic político"@majorolimpio totalmente fora da realidade, não percebeu que quem está no Titanic político é ele.
pic.twitter.com/XXoeXmyXL7 — Sakura 🇧🇷🇯🇵 (@JapaDoBonor0) December 8, 2019

"Eu resolvo o problema do rio Paraopeba e da lama tóxica nas represas", diz químico

O crime ambiental cometido pela Vale no município de Brumadinho se agrava à medida que autoridades responsáveis ignoram o caminho que pode levar até a solução do problema. Segundo informações da Secretaria Estadual de Meio Ambiente do Estado de Minas Gerais, mais de 300 km do rio Paraopeba, principal fonte de abastecimento da região afetada, está morrendo.

Outro caso gravíssimo afeta o município de Congonhas. A maior barragem de rejeitos tóxicos sob administração da CSN pode matar milhares de pessoas a qualquer momento.

Os 4,8 mil habitantes dos bairros Cristo Rei, Eldorado, Residencial Gualter Monteiro e Royal Park, entraram em desespero depois que o Ministério Público de Minas Gerais, na comarca de Congonhas, expediu recomendação para que a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) providencie moradias provisórias para habitantes de aproximadamente 600 casas, onde vivem cerca de 2,5 mil pessoas diretamente ameaçadas pela Barragem Casa de Pedra, da CSN.

"Tem solução!" garante Davincci Lourenço Almeida que detém a patente de vários produtos capazes de descontaminar a água e colocá-la sob condições apropriadas ao tratamento e uso da população.

Davincci é químico e inventor. Ele garante que é capaz de entregar as represas limpas e o rio Paraopeba em condições normais com o seu produto. Conhecedor da gravidade do problema que afeta Minas Gerais, Davincci lançou o desafio nas redes sociais para demonstrar que os problemas criados no meio-ambiente têm solução. Segundo ele, existe má vontade em resolver a questão pois a maioria desses crimes são praticados com objetivo financeiro.

"Eu desafio o Ministério Público de Minas Gerais, as autoridades ambientais, a empresa responsável e o governo do Estado de Minas Gerais, se eu não dou jeito no problema e garanto uma economia milionária aos cofres públicos. Ainda provo que existe meios viáveis de resolver a limpeza das barragens e transformar aquela água tóxica em reaproveitável. Está feito o desafio!", reafirma Davincci.

O contato é (35) 992261163 ou (11) 997075-2838


Comentários

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência