Pastor admite estupro de menor mas culpa o demônio

Imagem
O pastor de uma igreja na cidade de Gaithersburg, no estado de Maryland (EUA), foi preso nesta quarta-feira (25) após ser acusado de uma tentativa de estupro por uma menina que frequentava o local. Ao ser questionado sobre o abuso, ele afirmou que foi levado a atacar a vítima por 'demônios internos'.
Segundo informações da rede de TV norte-americana NBC, o home, identificado como Octavio Cantarero, de 42 anos, é pastor na Igreja Pentecostal Príncipe da Paz e teria invadido o quarto da jovem, que não teve a idade revelada, enquanto ela dormia.
No depoimento, a vítima afirmou que acordou com Cantarero já em cima dela, mas que conseguiu lutar com ele e fugir do quarto. Após a tentativa de estupro, ele teria tentado abafar o caso e silenciar a garota com alguns presentes, além de prometer que a colocaria em uma escola e até pagaria o aluguel de uma residência, caso ela quisesse se mudar.
Ainda de acordo com a publicação, a menina vivia em um dos quartos da igreja desde o último di…

Jean Wyllys é expulso de Portugal. "Esse cafajeste é de extrema-esquerda", diz ljornalista

O ex-deputado federal Jean Wyllys (Psol) está na Espanha, mas se prepara para viajar a Portugal, onde pretende fazer conferência em Coimbra e em Lisboa. Só que tem um grande problema: o líder direitista e presidente do Partido Nacional Renovador (PNR), José Pinto-Coelho não quer o brasileiro por lá e mandou recado para Wyllys voltar para o Brasil. As informações são do site Conexão Política.

O líder do PNR, em Portugal, não gostou muito do fato de Jean Wyllys ir palestrar em seu país.

“Esse ‘cafajeste’ da extrema-esquerda, que abandonou o Brasil com a mentira de que estava a ser perseguido, vem agora debitar puro lixo em Coimbra? O PNR lá estará a marcar ‘presença’! Volte para o Brasil e promova lixo, mas na cadeia, lugar onde deveria estar”, declarou Pinto-Coelho, em sua conta no Twitter.

De acordo com publicação assinada pelo jornalista Anderson Sandes, o Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra promoverá uma conferência no dia 26 de fevereiro com a presença do ex-deputado brasileiro — aquele cujas principais conquistas foram: cuspiu no atual presidente, falou um monte de coisas que a população abomina e fugiu por covardia para a Espanha.

Ainda segundo o site, a palestra tem como título enfadonho: “Discursos de ódio e fake news da extrema direita e seus impactos nos modos de vida de minorias sexuais, étnicas e religiosos — o caso do Brasil“.

E continuou o português: “Jean Wyllys, não és bem-vindo a Portugal e o PNR irá dizer-te isso pessoalmente! No dia 26 em Coimbra e no dia 27 em Lisboa!”.


Comentários

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência