Pastor admite estupro de menor mas culpa o demônio

Imagem
O pastor de uma igreja na cidade de Gaithersburg, no estado de Maryland (EUA), foi preso nesta quarta-feira (25) após ser acusado de uma tentativa de estupro por uma menina que frequentava o local. Ao ser questionado sobre o abuso, ele afirmou que foi levado a atacar a vítima por 'demônios internos'.
Segundo informações da rede de TV norte-americana NBC, o home, identificado como Octavio Cantarero, de 42 anos, é pastor na Igreja Pentecostal Príncipe da Paz e teria invadido o quarto da jovem, que não teve a idade revelada, enquanto ela dormia.
No depoimento, a vítima afirmou que acordou com Cantarero já em cima dela, mas que conseguiu lutar com ele e fugir do quarto. Após a tentativa de estupro, ele teria tentado abafar o caso e silenciar a garota com alguns presentes, além de prometer que a colocaria em uma escola e até pagaria o aluguel de uma residência, caso ela quisesse se mudar.
Ainda de acordo com a publicação, a menina vivia em um dos quartos da igreja desde o último di…

Humberto Costa recebeu propina com aval de Dilma, Temer e Graça Foster

O ex-líder do PT do Senado, Humberto Costa (PE), teria recebido quase R$ 600 mil em propina da Odebrecht para o financiamento de sua campanha em 2010, apontaram executivos da empreiteira que firmaram acordos de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República. O valor teria sido tratado num processo licitatório que a construtora participou dentro do Plano de Ação de Certificação em Segurança, Meio Ambiente e Saúde (PAC SMS).

No pedido de abertura de inquérito – deferido pelo ministro Edson Fachin -, o Ministério Público Federal menciona ainda a ‘possível participação do atual presidente da República, Michel Temer, em virtude de suposta reunião da qual teriam participado (o ex-deputado) Eduardo Cunha e (o ex-ministro) Henrique Eduardo Alves, ocorrida em 15 de julho de 010, em São Paulo’.

A ex-presidente Dilma Rousseff e a ex-presidente da Petrobrás Graça Foster também teriam conhecimento dos fatos.

Segundo o Ministério Público Federal, a propina teria sido paga em troca da adjudicação de um contrato, que é a última fase de um processo de licitação. Neste caso, o Estado fica obrigado a contratar exclusivamente aquela empresa.



Comentários

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência