Rodrigo Maia recebe envelope com fezes

Imagem
O presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), recebeu em seu gabinete como parlamentar, localizado no Anexo IV da Casa, um envelope contendo detritos fecais, há cerca de dez dias. O caso do envelope com fezes está sendo investigado pela Polícia Legislativa da Câmara.
Segundo rumores, o próprio Maia contou a amigos sobre o envelope e pediu que o caso fosse investigado. A informação é que o envelope foi aberto por uma funcionária do gabinete.
Outros deputados teriam recebido envelopes semelhantes em seus gabinetes. Na ocorrência, a Polícia identificou um remetente falso e registrou o conteúdo como “fezes”.

FHC quer a descriminalização das drogas

Fernando Henrique Cardoso disse esperar que o novo governo trabalhe pela descriminalizacão do consumo de drogas no Brasil. Em entrevista ao blog do Josias, o ex-presidente tucano declarou que caberá ao Supremo Tribunal federal dar "os primeiros passos". 

Corre no Supremo uma ação sobre a posse de drogas para uso recreativo. Três ministros votaram a favor da descriminalização de todas as drogas (Gilmar Mendes) ou apenas da maconha (Edson Fachin), ainda que com a fixação de um limite de 25 gramas para a posse (Luis Roberto Barroso). O julgamento foi suspenso em 2015 graças a um pedido de vista de Teori Zavaschi, morto em acidente aéreo."

FHC não leva em consideração os resultados obtidos em outros país onde esse tipo de decisão foi aceito. Não há registros que a violência e o consumo tenham diminuído, tampouco nenhum avanço na qualidade de vida das pessoas.

O presidente Jair Bolsonaro já manifestou que não apoiará esse tipo de decisão no Brasil.


Comentários

  1. Antes de qualquer ilação "jenial", esclareço ser completamente careta, mas penso e estudo sobre o assunto. "Não há registros que a violência e o consumo tenham diminuído, tampouco nenhum avanço na qualidade de vida das pessoas." Ora, vão, por exemplo, à Holanda, onde prisões estão sendo transformadas em hotéis. Parem de ser hipócritas, recordem os USA da Lei Seca, que, revogada, ACABOU COM OS TRAFICANTES, INTERMEDIÁRIOS E PISTOLEIROS e carreou impostos ao Tesouro em tal monta que alavancou a saída da recessão econômica. Pensem na enorme redução do sistema carcerário, quando DOENTES deixarem de ser tratados como criminosos e passarem a receber tratamento de saúde adequado a cada caso em hospitais voltados a esse fim. Pensem no incremento da arrecadação, tal como se dá em relação ao álcool e ao fumo, e no FIM DA DESAGREGAÇÃO FAMILIAR. Essa hipocrisia pseudo moralista é que enriquece o traficante e perpetua o tráfico. FHC não é flor que se cheire, mas, neste caso, está certo.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência