Fuga em massa do PCC coloca militares em alerta

Imagem
Setenta e cinco membros do Primeiro Comando da Capital (PCC) fugiram da prisão em Pedro Juan Caballero, no Paraguai. Eles escaparam neste domingo (19), provavelmente por um túnel subterrâneo que ligava um dos pavilhões à área externa da prisão.
A facção brasileira tem forte atuação no Paraguai, devido a tráfico de drogas. De acordo com a imprensa do país, foi encontrado um túnel que ligava um dos pavilhões, voltados a presos da facção criminosa brasileira, à área externa da prisão.
O governo paraguai, no entanto, considera que parte dos criminosos possa ter fugido durante a semana sem usar o túnel. Os responsáveis pela prisão já foram afastados.
"Foi encontrado um túnel e acreditamos que esse túnel foi um recurso enganoso para legitimar ou maquiar a liberação dos presos. Há cumplicidade com as pessoas de dentro da prisão e esse é um fenômeno que acontece em todas as penitenciárias", afirmou o ministro do Interior do país, Euclides Acevedo, em nota publicada em site do govern…

Política e Poder | Russos desembarcam na Venezuela. Guaidó pede ajuda ao Brasil

Dois aviões russos pousaram nesta quarta-feira (30) no aeroporto internacional de Caracas. A procedência dos passageiros não foi revelada e tampouco o que foram fazer. As autoridades venezuelanos não deram mais detalhes sobre a chegada das aeronaves.

Há informações que o ditador Nicolás Maduro planeja um ataque surpresa contra os apoiadores de Juan Guaidó. Maduro estaria reunido com militares de sua confiança para planejar a prisão do opositor.

No Brasil, o Ministério da Defesa informou que recebeu pedido de apoio de Guaidó. O presidente interino da Venezuela, reconhecido pelo Brasil, solicitou envio de tropas militares e apoio de inteligência para a sua segurança e de seus aliados.

O vice-presidente Mourão não se pronunciou sobre o assunto porém garantiu que todos os esforços serão feitos no sentido de oferecer para Nicolás Maduro uma saída diplomática e não dolorosa.



Comentários

MAIS LIDAS

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!