Coronavírus em Minas Gerais. Brasil entra estado de perigo iminente

Imagem
O Ministério da Saúde informou hoje que uma jovem, 22 anos - que viajou para Wuhan (China) - epicentro da propagação do coronavírus - está sob análise médica em Minas Gerais. A paciente apresenta sintomas "compatíveis" com os do coronavírus. 
Representantes do Ministério da Saúde irão participar de um encontro com secretários da Organização Mundial da Saúde. 
O nível de alerta no país subiu de 1 para 2 - ou seja, saímos do estado de alerta para o de perigo iminente.

Política e Poder | Congonhas será a próxima! Vejam a situação na imagem

Os moradores de Congonhas, na região metropolitana em Minas Gerais, que coloquem suas casas em estado de alerta geral. Depois de Bento Gonçalves, Mariana e Brumadinho, a próxima cidade a sumir do mapa pelo mar de lama será Congonhas.

É fácil analisar no mapa que a barragem foi estrategicamente posicionada para derramar sobre a cidade o mar de lama de rejeitos de minérios. A mineração no Brasil passa por sua pior crise e não houve, ao longo do tempo, políticas públicas de investimentos e proteção do setor.

Congonhas é o município que abriga as obras de Aleijadinho, coincidência ou não, é possível analisar que o artista através de suas obras retratava a possibilidade de uma grande tragédia.

"Congonhas tem barragem da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) muito maior que as que romperam aqui em Brumadinho”, conta Binho. “Caso rompa, o rejeito chega em oito segundos a um bairro de mais de 5 mil habitantes no centro urbano do município. O pessoal do MAB de lá relatou que o povo passou as últimas três noites sem dormir, andando pelas ruas, preocupados com o rompimento.

O próximo alvo é Congonhas, não tenham dúvidas disso!


Comentários

MAIS LIDAS

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!