Trump mandará brasileiros ilegais para prisões em outros países

Imagem
O Departamento de Segurança Interna dos Estados Unidos (DHS) cogita enviar imigrantes brasileiros que cruzam a fronteira do México de volta ao território mexicano enquanto aguardam audiência em tribunais norte-americanos, de acordo com uma autoridades EUA e uma autoridade mexicana a par das conversas.
As deliberações são uma reação ao aumento do número de brasileiros chegando à divisa entre EUA e México para pedir asilo a Washington, disseram as autoridades. O governo do presidente Donald Trump também estuda a possibilidade de enviar brasileiros postulantes a asilo a outras nações, segundo o funcionário norte-americano.
Trump, que busca a reeleição em novembro, fez da imigração um dos argumentos centrais de seu discurso ao eleitores. Durante seu governo, ele criticou os postulantes a asilo e argumentou que a maior parte dos imigrantes que chegam à fronteira carecem de uma justificativa válida para pedir proteção.
(com informações de Reuters)

Lava Jato | Testemunha foi assassinada e o caso arquivado

No dia 18 de janeiro de 2018, uma testemunha da fase da Lava Jato que apurou desvios de recursos na Transpetro, foi morta com nove tiros na rodovia BA-522, em Candeias, região metropolitana de Salvador.

O crime ocorreu dois meses após a vítima, o empresário José Roberto Soares Vieira, conhecido como Roberto do PT, depor na PF e se tornar a principal testemunha das investigações. 

Esta ação, resultou na prisão de José Antonio de Jesus, ex-gerente da Transpetro na Bahia.

Hoje a Polícia Civil da Bahia e o MP estadual arquivaram a investigação do assassinato da testemunha.

Não foram identificados o motivo e os culpados pelo crime, informa a Folha.


Comentários

MAIS LIDAS

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência

Maduro mandar queimar lojas da Maçonaria sob acusação de organização criminosa

Arábia Saudita e Rússia ameaçam romper relações com Brasil. Agora ficou bonito!