Moro escondeu mais do que se pode imginar

Imagem
O TRF-4 precisa dar satisfação ao povo brasileiro sobre a conduta irregular do ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sergio Moro.
O traidor da Pátria reconhece a veracidade das mensagens do Telegram divulgadas pelo TheIntecerptBrasil. Quando afirmou que deu palestras e doou o dinheiro pra "caridade", Moro assinou a sua culpa. Além disso, ele tenta esconder o crime que cometeu quando não declarou as palestras que havia dado desrespeitando a resolução do CNJ.
Afinal, pra que serve a estrutura do TRF-4? Depois de tudo que foi revelado até o momento nota-se que Sergio Moro faz pouco caso do órgão.

2019 acabou a farra | A Lei Rouanet com os dias contados

A farra que foi feita com o dinheiro público durante os governos Lula e Dilma deixou muita gente indignada. Os artistas financiados através de benefícios fiscais concedidos pela Lei Rouanet aproveitaram o tempo das vacas gordas e aumentaram seus patrimônios.

O presidente eleito Jair Bolsonaro garantiu que a sua equipe de governo fará uma revisão nos critérios estabelecidos para concessão de benefícios fiscais a título de patrocínio e apoio a projetos culturais. Bolsonaro considera que diversos projetos foram aprovados e sua utilidade junto ao público foi quase inútil.

Existem na lista do Ministério da Cultura diversos artistas que sequer prestaram contas ou apresentaram suas contas com problemas contábeis. Esse é outro aspecto que deverá ser revisto com a entrada da nova equipe de governo em 2019.

A opinião pública defende a ideia que a Lei Rouanet seja mantida porém com critérios mais rígidos e que artistas menos favorecidos e que necessitam de patrocínio sejam contemplados.

Uma pequena elite artística conseguiu benefícios expressivos com os governos Lula e Dilma o que deixou muita gente inconformada.




Comentários

MAIS LIDAS

Aberração | Filhas solteiras de senadores ganham 33 mil reais. "Isso vai acabar", diz Bolsonaro

Goooooool! | Governo decide acabar com auxílio-reclusão

Deputados querem "gorjeta' de R$ 10 milhões pra votarem a Reforma da Previdência